Covid-19: casos aumentam e cidades de São Paulo voltam ao confinamento

0
19


Com a alta de casos de covid-19, ao menos cinco cidades do interior do estado de São Paulo – Franca, Bebedouro, Viradouro, Taiúva e Batatais – voltam a realizar esta semana confinamento para conter a expansão da doença. Franca, a maior delas, com quase 350 mil habitantes, adotou as medidas por 18 dias, de ontem (20) até o próximo dia 6 de junho.

No período, a administração municipal decretou, entre outras medidas, o toque de recolher na cidade das 20h às 5h. O comércio em geral, restaurantes, bares, shoppings e lojas de conveniência não podem realizar, em qualquer horário, atendimento presencial. Locadoras de equipamentos e utensílios para festas, assim como locação de chácaras e áreas de lazer, estão proibidas. 

Segundo a prefeitura, as medidas foram necessárias em razão do aumento da taxa de transmissão de covid-19 na cidade, elevação das internações em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e enfermaria, com picos de lotação tanto em leitos do Sistema Único de Saúde (SUS) quanto em particulares. “Não podemos nos omitir. Temos que tomar decisões duras, mesmo sentindo no coração, na alma e no espírito”, disse o prefeito Alexandre Ferreira.

Na cidade de Bebedouro, a prefeitura decretou toque de recolher permanente desde ontem (20), até o próximo dia 30. “Permanece proibido o trânsito de pessoas, em qualquer horário, nas vias, praças, parques e logradouros públicos, inclusive para a prática de atividades esportivas (orientadas ou não) e reuniões de qualquer natureza”, informa comunicado da prefeitura. A cidade enfrenta falta de leitos hospitalares e, segundo a prefeitura, corre o risco de ficar sem oxigênio hospitalar e medicamentos para a intubação de pacientes.

A prefeitura de Viradouro decretou confinamento nos próximos fins de semana: das 19h de hoje (21) às 6h de segunda-feira (24) e das 19h do dia 28 às 6h do dia 31. No período, está vedado o funcionamento de qualquer tipo de comércio ou serviço, ainda que nas modalidades drive thru (atendimento no carro), delivery (entrega) ou take out (retirada). Para circular nas ruas, o cidadão terá de comprovar, com documentos, a necessidade.

Bebidas proibidas

Nos dias de semana, de hoje ao dia 31, a municipalidade proibiu a venda de bebidas alcoólicas, aluguel de edículas (fundo de casas), chácaras, sítios, ranchos e similares; qualquer tipo de festa ou evento; reunião de pessoas que não morem na mesma residência; e aglomerações de qualquer tipo.

“A Secretaria Municipal de Saúde fica autorizada a credenciar, de forma extraordinária, agentes públicos para integrarem a fiscalização sanitária, com poderes de polícia, para lavrar autos de infração, autos de lacração, aplicação de multas e demais poderes inerentes à atividade estatal sanitária até 31/12/2021”, explica comunicado da prefeitura.

No município de Taiúva, de 20 a 30 de maio, poderão funcionar apenas atividades essenciais. Bancos e lotéricas não poderão trabalhar com atendimento presencial. Mesmo serviços de saúde (hospitais, clínicas, farmácias, clínicas odontológicas, laboratórios clínicos, clínicas veterinárias e estabelecimentos de saúde animal) poderão funcionar apenas para casos de urgência ou emergência.

Em Batatais, a administração municipal decretou confinamento, com fechamento de todas as atividades econômicas, toque de recolher e interrupção do transporte público para conter a disseminação do coronavírus. O decreto com as restrições foi editado na quinta-feira (13) e entrou em vigor no sábado (15). As medidas devem valer até 31 de maio.

 



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here