Minerva

Operações da Minerva: frigorífico brasileiro e subsidiária Athena Foods são duas das grandes processadoras de carne do país (Ricardo Benichio/Exame)

Minerva assinou uma carta de intenções não vinculativa com um veículo de investimentos listado na Nasdaq, em Nova York, para acertar uma potencial combinação de negócios envolvendo a sua subsidiária Athena Foods.

Como reflexo da notícia informada ao mercado nesta terça-feira, 15, as ações da Minerva (BEEF3) sobem cerca de 5% na B3, num dia em que o Ibovespa opera próximo da estabilidade. Na abertura do pregão, as ações chegaram a subir 7%.

O veículo é uma sociedade de propósito específico para aquisição (SPAC, na sigla em inglês).

De acordo com a companhia brasileira de carnes, a SPAC tem 200 milhões de dólares em caixa para financiar aquisições e pretende realizar uma oferta privada para obter até 100 milhões de dólares adicionais.

Veja também

A carta de intenções prevê que, após a consumação da operação, a Minerva será titular de aproximadamente 75% do capital da entidade remanescente e receberá cerca de 200 milhões de dólares em dinheiro.

“A administração da Minerva acredita que uma operação desse tipo poderia fortalecer a estrutura de capital da Athena Foods e ofereceria uma oportunidade adicional de crescimento, ao mesmo tempo em que destravaria valor para os acionistas”, afirmou.

A Minerva disse que tentará completar sua análise estratégica nas próximas semanas, incluindo o resultado das discussões sobre a proposta de combinação de negócio com a SPAC.

Na visão da companhia, a listagem da Athena Foods, que tem operações na Colômbia, Paraguai, Argentina e Uruguai, na Nasdaq poderia ajudar a subsidiária “a fortalecer sua liderança global na produção e exportação de carne bovina”.

Veja também

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here