Novo iPad Air

Novo iPad Air: novo formato e processador mais rápido (Apple/Divulgação)

A Apple apresentou nesta terça-feira, 15, uma série de novidades para a linha de tablets da empresa. A maior mudança é no novo iPad Air, o modelo mais rápido e mais avançado do iPad.

O aparelho virá com o processador A14 Bionic, o chip mais avançado já lançado pela fabricante. Segundo a Apple, o processador é 40% mais rápido do que o modelo anterior. O processador também inclui uma nova arquitetura de processamento gráfico que permite alcançar uma performance melhor em games, filmes e softwares de edição de imagem.

Veja também

Outra novidade do iPad é um novo sensor Touch ID, que lê a impressão digital do usuário para destravar o aparelho. O botão agora ficará localizado na lateral do tablet.

O iPad Air também tem um novo design, com bordas mais quadradas do que os modelos anteriores do iPad e uma tela de 10,9 polegadas.

O novo iPad Air estará à venda nos Estados Unidos e outros 30 países a partir desta sexta-feira custando a partir de 599 dólares. No Brasil, o modelo mais simples do iPad Air, de 64GB, será vendido por 6.999 reais.

O modelo chega para aproveitar o bom momento nas vendas de tablets. Durante a quarentena, as fabricantes de eletrônicos viram um crescimento inesperado na procura pelos aparelhos. A necessidade de trabalhar e estudar em casa está por trás desse aumento nas vendas. Na apresentação, o presidente da Apple, Tim Cook, afirmou que 53% dos consumidores de tablets estão comprando um iPad pela primeira vez. Ao todo, 500 milhões de unidades do iPad foram vendidas em todo o mundo desde o lançamento do primeiro aparelho, em 2010.

Novos iPads

Além do iPad Air, a Apple também aproveitou o lançamento para atualizar a linha tradicional do iPad. O tablet agora chega à sua oitava geração. O aparelho terá o novo processador A12 presente nos modelos mais avançados dos dispositivos da empresa, que permite uma capacidade de processamento até 40% maior que a versão anterior.

O aparelho também virá com o novo sistema operacional da empresa, o iOS14, que traz uma série de novas ferramentas para usuários do tablet, como o reconhecimento de formas desenhadas com a Apple Pencil, a caneta inteligente da empresa.

Os modelos da oitava geração de tablets estarão disponíveis nos Estados Unidos a partir desta sexta-feira por 329 dólares. No Brasil, o aparelho custa a partir de 3.999 reais, na versão de 32 GB.

Linha de iPads, da Apple A família completa de modelos do iPad, da Apple –

A família completa de modelos do iPad, da Apple – (Apple/Divulgação)

Retomada nas vendas

Lançado pela primeira vez em 2010, o tablet da Apple surgiu a partir do sucesso do iPhone com o objetivo de criar um aparelho com uma tela grande o suficiente para assistir a vídeos e fazer outras tarefas que não tinham a mesma experiência no smartphone. Com o tempo, os próprios celulares foram ganhando telas maiores e processadores melhores que acabaram por ofuscar o mercado de tablets.

Recentemente, a Apple e outras fabricantes como a Microsoft têm apostado que os tablets podem ser alternativas aos notebooks. Em 2015, a Apple lançou o iPad Pro, um modelo maior e mais potente do seu tablet. O modelo mais recente, da quarta geração, foi lançado recentemente em março, também com o objetivo de ser uma alternativa aos notebooks. O aparelho pode funcionar junto com um teclado especial embutido em uma capa protetora do tablet.

A pandemia fez o interesse pelos tablets crescer novamente. No segundo trimestre, as vendas dos aparelhos tiveram um aumento de 18,6% em relação ao mesmo período do ano passado. A retomada das vendas veio num momento de estagnação no mercado. Em 2019, as vendas totais tiveram uma leve queda de 0,6% no número de unidades comercializadas. Os dados são da consultoria IDC.

O crescimento recente, no entanto, tende a ser temporário, influenciado pela quarentena e a necessidade das pessoas de terem um outro aparelho em casa. O novo iPad da Apple busca aproveitar esse momento de alta nas vendas para atrair os consumidores novamente.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here