caixa crédito pequenas empresas

Caixa Econômica Federal: banco público voltou a trabalhar com a linha do Pronampe na semana passada (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

A Caixa Econômica Federal anunciou que está oferecendo uma linha de 50 milhões de reais para microempresas dentro Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe). O banco conta com parceria do Sebrae Nacional para oferecer assistência aos empreendedores que tomarem o crédito.

“O microcrédito é um dos focos estratégicos da nossa gestão. Mais uma vez, saímos na frente, utilizando o Pronampe para atender, também, os microempreendedores, além dos micro e pequenos empresários”, afirma Pedro Guimarães, presidente do banco.

Veja também

Os 50 milhões serão destinados para empresas com faturamento anual de até 360.000 reais. O limite máximo concedido por operação será de 20.000 reais, e os empreendedores terão 36 meses para pagar, com oito meses de carência. A taxa de juros é de 1,25% ao ano mais a taxa Selic, que atualmente é de 2%.

A Caixa recebeu na última quinta-feira, 3, um acréscimo de 2,55 bilhões de reais do Ministério da Economia para voltar a trabalhar com o Pronampe. Até agora, o banco já emprestou 1,8 bilhão de reais na nova fase do programa. No total acumulado em 2020, já foram emprestados 9,1 bilhões de reais.

Se sua empresa quiser solicitar o crédito pelo Pronampe, veja aqui como fazer. Caso tenha tido o crédito negado pelo programa, veja outras 24 linhas disponíveis para micro, pequenas e médias empresas brasileiras durante a crise causada pela pandemia do novo coronavírus.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here