site youpix summit

Youpix Summit: na última semana, entre 1 e 4 de setembro, aconteceu o maior evento de marketing de influência do país (youpix summit/Reprodução)

Na última semana, entre 1 e 4 de setembro, aconteceu o Youpix Summit, maior evento de marketing de influência do País e, pela primeira vez, totalmente online e gratuito. A edição, cujo principal tema foi o debate sobre o impacto da pandemia para o mercado de comunicação, também teve que se reinventar e investiu em uma transmissão 100% digital e ao vivo.

Além de trazer aquela sensação de proximidade, já que entramos na casa de cada palestrante, o evento também acertou ao priorizar uma única trilha de conteúdo, ao invés de várias palestras ao mesmo tempo.  As principais temáticas do evento trataram de diversidade, inclusão e do momento de disrupção e incerteza em função da pandemia. Como essa crise alterou estratégias e negócios? A busca por propósito na comunicação e no mercado de influência já estava crescendo, mas a pandemia mudou os ponteiros do conteúdo na internet.

Além da retração do mercado e da queda nos investimentos de marcas, o isolamento desafiou influenciadores e creators a gerar conteúdos mais profundos, trazendo conversas mais conectadas socialmente. 

O Movimento Black Lives Matter, por exemplo, fez com que muitos creators se posicionassem de forma mais ativa, mas também deu luz a outro tema importante: mesmo com movimentos sociais crescendo, por que influenciadores negros ainda ganham menos e têm menor participação em campanhas publicitárias? Foi isso que um estudo desenvolvido pela Black Influence, Mundo Negro, Youpix, Squid e Sharp tentou responder em um dos painéis do evento.

Após o lançamento da pesquisa, a Forbes criou o “Especial Inovadores Negros”, uma lista de creators que possuem conteúdo relevante sobre temas como beleza, feminismo, finanças, cultura, meditação, entre outros. 

Outro assunto que ganhou destaque durante essa edição do Youpix Summit foi a nova onda de vídeos curtos que está dominando a internet. Em um dos painéis com as três principais plataformas de vídeo (Youtube, Instagram e Tik Tok), a conclusão é que o formato veio pra ficar.

Na era do consumo de informação rápida, os vídeos de 15 segundos vão além de dancinhas e entretenimento e têm muito potencial nos segmentos de educação, saúde, finanças, empreendedorismo, entre outros. 

Veja algumas dicas da diretora de Marketing do Tik Tok para América Latina, Kim Farrel, sobre como aproveitar os recursos da plataforma.  Para finalizar, elaboramos um e-book com os principais destaques de cada dia para que você possa ficar por dentro de tudo que aconteceu no evento. Faça o download!  Boa leitura!

Bia Granja, Youpix: “Precisamos falar de políticas afirmativas”

Movimento Black Lives Matter cresce, mas influenciador negro ganha menos

Especial Inovadores Negros – 20 creators que têm muito a dizer

Diretora de Marketing do Tik Tok revela fórmula de sucesso do app e dá dica para marcas

Ebook: 15 coisas que aprendemos no Youpix Summit

*Sócios-diretores da FSB Comunicação

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here