imagem03-09-2020-18-09-42É possível retirar os comprovantes de atendimento pela internet | Foto: Divulgação/Sedes

A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) vai manter os atendimentos telefônicos para inscrição e atualização de dados do Cadastro Único (CadÚnico) de usuários do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

“Não deixamos a rede socioassistencial parar nesta pandemia”, destaca a secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Rocha. “Foi preciso mudar a forma de trabalho, mas o serviço continua ativo, até para não perder o vínculo com as famílias que são acompanhadas pelas equipes das unidades.”

“Foi preciso mudar a forma de trabalho, mas o serviço continua ativo, até para não perder o vínculo com as famílias que são acompanhadas pelas equipes das unidades”Mayara Rocha, secretária de Desenvolvimento Social

Cuidado com fraudes

A manutenção do teleatendimento requer muita atenção durante o contato telefônico, para evitar fraudes. Segundo o coordenador de Gestão de Transferência de Renda e Cadastro Único da Sedes, Guilherme Aleixo, o usuário não deve repassar nenhuma informação antes de o servidor se identificar e confirmar três dados do beneficiário.

“É importante que o usuário receba antes a identificação do profissional que o está atendendo, com nome, matrícula e unidade de lotação – Centro de Referência de Assistência Social [Cras], Centro de Referência Especializado de Assistência Social [Creas] ou Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua [Centro POP] – à qual está vinculado”, orienta. “Depois, o servidor é obrigado a confirmar três dados da família: nome, CPF e data de nascimento. Só após toda essa identificação, a família poderá realizar inscrição ou atualização cadastral.”

Caso a família se sinta insegura ou tenha algum receio do contato telefônico do servidor, o usuário deve procurar a unidade de referência e confirmar se o profissional está vinculado e se ele seu nome consta da lista de atendimento.

Guilherme Aleixo lembra que, muitas vezes, o beneficiário do BPC não está com documentos em mãos na hora da ligação. Nesse caso, a Sedes autoriza o profissional a agendar o atendimento. “O servidor pode retornar posteriormente com a família no mesmo número para o qual ligou antes”, explica. “Por isso, é importante o usuário deixar esse número de telefone salvo, já que esse também é um número de referência para identificar o entrevistador”.

O benefício

Em razão da pandemia da Covid-19, o atendimento para apresentação dos documentos agora é feito por telefone para quem já estava na fila aguardando a entrevista, e não mais presencialmente nas unidades socioassistenciais.

Os servidores da Sedes também têm feito busca ativa das famílias que tiveram benefício cancelado, bloqueado ou suspenso. Por isso, para receber o atendimento é fundamental que as famílias mantenham os telefones atualizados junto aos Cras, Creas ou centros POP.

O Benefício de Prestação Continuada é destinado a idosos de baixa renda com 65 anos ou mais que não têm direito à Previdência Social e a pessoas com deficiência que não podem trabalhar. Nos dois casos, a renda familiar deve ser inferior a 1/4 do salário mínimo (R$ 261,25). Até o momento, devido à pandemia, todos os atendimentos do Cadastro Único estão suspensos, com exceção dos referentes ao BPC.

“Temos um auxilio emergencial se sobrepondo ao Bolsa Família de uma forma geral, então, muitas pessoas estão assistidas por esse auxílio”, ressalta Guilherme Aleixo. “Além disso, o público que recebe o BPC, que são as pessoas com deficiência e os idosos, é mais vulnerável ao contágio do novo coronavírus. É possível que, mesmo após o término da pandemia, quando pudermos retomar as atividades presencialmente como um todo, ainda teremos que atender essas famílias por telefone.”

Documentos obrigatórios para o Cadastro Único

• RG• CPF• Certidão de Nascimento/Casamento• Carteira de Trabalho• Título de Eleitor• Comprovante de residência (de preferência, conta de luz ou água, celular, cartão de crédito)• Comprovante de matrícula de crianças e adolescentes da família (ou nome correto da escola)

Os comprovantes de atendimento podem ser retirados pelo site de consulta ou pelo aplicativo “Meu CadÚnico”, acessível para Android e IOS.

* Com informações da Sedes

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here