rappi entregador seguranca

 (Germano Lüders/Exame)

O aplicativo de delivery Rappi anuncia nesta quarta-feira,2, os novos procedimentos para gerar mais segurança para entregadores e clientes e evitar problemas e fraudes, por exemplo. Segundo a empresa, “a Rappi é uma plataforma segura, onde as pessoas encontram o que precisam, seja um novo canal de distribuição, uma solução para suas necessidades do dia a dia ou uma fonte de renda adicional”.

Entre as novidades está a aplicação de um software de reconhecimento facial para o entregador parceiro. Na prática, ele digita o código de verificação que lhe é enviado via WhatsApp e depois faz outra validação por meio de uma foto feita em tempo real, que será comparada, por software de reconhecimento facial com a foto do seu documento de identidade. O objetivo é garantir a verdadeira identidade do prestador de serviço. 

Outra função é o bloqueio de contas. Normalmente o Rappi toma medidas para desativar as contas dos entregadores parceiros que não cumprem os termos e condições do aplicativo e também por descumprimento dos protocolos de segurança. Neste caso, o bloqueio de uma conta e de seu titular, por qualquer motivo, não justifica a fraude como meio de registro de uma nova conta ou o uso indevido de uma conta já existente. 

Veja também

“O reconhecimento facial, a verificação de dados, uma área exclusivamente dedicada à identificação de fraudes e o trabalho que fazemos com governos e autoridades têm nos possibilitado crescer, continuar a oferecer novos serviços e atender o nosso propósito de facilitar a vida das pessoas”, afirma Sérgio Saraiva, presidente do Rappi no Brasil. 

A empresa também está trabalhando com a Truora e as autoridades para fazer verificar a identidade dos entregadores parceiros na rua.

“Temos avançado em novas formas de prevenir, identificar e aprimorar a experiência de todos os que utilizam a nossa plataforma”, diz Saraiva.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here