imagem01-09-2020-19-09-34

 (Divulgação/Divulgação)

A NTT Ltd., parceira oficial de tecnologia da A.S.O, anuncia que está levando o Tour de France 2020 aos fãs por meio de uma tecnologia inovadora, que permitirá que eles assistam à corrida de suas casas em um ambiente exclusivo que simula uma experiência de ‘estádio virtual’. Devido ao impacto da Covid-19, 70 funcionários remotos da NTT estão operando em cinco continentes para apoiar a corrida que iniciou em 29 de agosto e será finalizada em 20 de setembro de 2020.

A NTT desenvolveu uma ‘Técnica de Zona Virtual’ que reúne diferentes tecnologias para entregar seus serviços ao Tour de France remotamente pela primeira vez. Isso manterá a equipe segura e, ao mesmo tempo, apoiará a realização da corrida, proporcionando uma experiência ainda mais aprimorada aos fãs. Para criar um ‘estádio virtual’ para os fãs que não podem estar na estrada este ano, a NTT e a A.S.O. utilizaram seus recursos avançados de análise de dados em tempo real, que serão apresentados em vários canais, incluindo:

• Um novo aplicativo de dados de realidade aumentada (AR): Além de transmitir a competição ao vivo, o app fornecerá a usuários selecionados uma maneira única de visualizar e interagir, em tempo real, com os dados da corrida e as incríveis paisagens do percurso. Pela primeira vez, isso permitirá que os fãs apreciem a escala do evento em 3D, sem sair de casa. Com uma visão do céu sem precedentes, eles verão os ciclistas entre montanhas, vales, rios e lagos e terão acesso ao vivo a dados interativos sobre a corrida, sentindo como se estivessem realmente assistindo ao evento de um helicóptero;

• Dados adicionais para transmissão ao vivo na TV: NTT Ltd. e A.S.O. fornecerão novos insights e visualizações de dados como parte da transmissão para a TV. Isso fornecerá uma nova maneira de ver e compreender a corrida e o desempenho de cada equipe;

• O canal social @letourdata: Os dados compartilhados no canal @letourdata permitirão que os fãs se mantenham atualizados com o que está acontecendo com a corrida, mesmo que estejam em movimento. Ele também fornecerá uma visão mais ampla sobre o desempenho dos ciclistas, suas estratégias de equipe e previsões do #NTTPredictor;

• O jogo oficial do Tour de France Fantasy: A gamificação da corrida aprimorará a experiência dos fãs, com previsões de aprendizado de máquina fornecidas por #NTTPredictor em todas as etapas da corrida. Os fãs podem mergulhar na experiência do Tour de France, competindo com outros fãs com ideias semelhantes!

• O Tour de France Race Centre: A plataforma de rastreamento ao vivo do Tour de France também foi completamente redesenhada em 2020, para aprimorar a experiência do usuário e aproveitar os serviços de plataforma com tecnologia de ponta para a nuvem. O Race Center 2.0 oferece uma experiência de segunda tela, apresentando dados importantes da corrida, telemetria do piloto ao vivo e outros insights, incluindo previsões e comentários da competição.

Ruth Rowan, diretora de marketing da NTT Ltd. comentou: “Esta não é apenas uma estreia no Tour de France, mas uma estreia no esporte. Tudo o que fazíamos fisicamente anteriormente foi movido para um ambiente remoto. O esporte tem o poder de inspirar e queríamos que o público gostasse da corrida este ano, mesmo sem estar presente na estrada”. Para seus 40 mil funcionários, a NTT Ltd. também lançou o Tour de France Hackfest – uma competição na qual qualquer pessoa de toda a empresa pode sugerir inovações futuras para a corrida em apoio à criação do maior estádio conectado do mundo. A iniciativa incentiva os colaboradores a pensar de forma diferente e celebra a cultura de inovação da companhia. Yann Le Moenner, CEO da A.S.O comentou: “Nos últimos cinco anos, construímos o Tour de France com a NTT Ltd. e continuamos nossa jornada de transformação digital em circunstâncias únicas este ano. Podemos usar a tecnologia para garantir que a experiência dos fãs seja mais rica do que nunca. Essas mudanças são boas para o mundo. Por exemplo, se pudermos usar o Tour de France como uma plataforma para acelerar o ciclismo nas cidades, podemos melhorar a saúde das pessoas e diminuir nosso impacto no meio ambiente”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here